Universo paralelo #26 : Sobre Game of Thrones e viagem no tempo

[CONTÉM SPOILERS DO EPISÓDIO 5 DA 6ª TEMPORADA DE GAME OF THRONES]

.

Game of Thrones 1

.

Aos que assistiram o episódio 5 da 6ª temporada de Game of Thrones, ficou evidente que a relação de Bran com o tempo é bem diferente do que os leitores dos livros imaginavam. Afinal, Bran consegue fazer leves manipulações na natureza enquanto está em uma visão, como acontece quando ele chama o nome de Theon e o mesmo se assusta pelo farfalhar das folhas. Com o plot da Torre da Alegria no episódio 3 dessa mesma temporada, vemos um jovem Ned Stark se assustar com algo antes de subir a torre. A ideia é que como um nortenho e seguidor da fé dos Deuses Antigos, eles tenha sentido algo baseado em algo na natureza (o barulho do vento, etc). Além do fato de que isso alimenta o questionamento “seriam os Deuses Antigos os Greenseers (videntes verdes) entre os Filhos da Floresta?”, não vemos nada de fora do padrão dos livros. Então como Bran causou o trauma a Hodor enquanto criança?

Primeira questão: como Bran conseguiu “wargar” em Hodor em sua visão? Bem, ao que tudo indica desde o primeiro livro, Bran será um dos videntes verdes mais poderosos já vivos, senão o mais poderoso. Sendo assim, ele teria o poder de estar no passado em uma visão mas ainda assim consciente dos acontecimentos do presente. Como vemos, quando Bran warga em Hodor inicialmente, Wylis ainda está se comportando normalmente, e Hodor, no presente, começa a carregar Bran para fora da caverna. Logo, a princípio, Bran não wargou Hodor no passado, mas no presente. No entanto, quando Hodor começa a segurar a porta (Hold the door! Hold the door!), algo de errado acontece e Wylis do passado se conecta ao Wylis do presente, seja sentido a dor do seu eu futuro, vendo a própria morte ou sentindo o poder de ter a mente controlada por Bran. Recapitulando: Bran causa a deficiência mental de Hodor por conectar seu eu do passado ao eu do futuro. Quer dizer que Bran consegue mudar o passado? Não necessariamente, porque a linha do tempo é uma só, como se o passado já estivesse escrito. Então isso não quer dizer que Bran pode alterar o passado (assim criando várias realidades alternativas) mas sim é o pivô desse paradoxo temporal (e talvez de outros) que não pode ser mudado porque já aconteceu.

Hora de falar do paradoxo de bootstrap. Quem já viu Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban provavelmente já está familiarizado com esse conceito (e aparentemente os fãs de Doctor Who também). Diferentemente do que vimos em X-Men: Dias de um Futuro Esquecido, não existem várias linhas do tempo ou realidades alternativas para cada vez que alguém viaja no tempo e causa mudanças (e aí o futuro muda também), mas sim, uma única linha do tempo. Assim como Harry vê a si mesmo conjurando o Patrono, a viagem no tempo, mesmo antes de o personagem saber que aconteceu ou fazê-la, já aconteceu. Então quando Hodor sofre o trauma durante sua infância, mesmo que Bran ainda não tenha nascido, o acontecimento em que ele é wargado já aconteceu/está acontecendo (como se o futuro já estivesse “escrito”, ou as diferentes épocas no tempo acontecessem simultaneamente). Parece não parece, é loucura, mas isso significa que o erro na “wargação” (se não existe, foi inventada agora) de Bran em Hodor aconteceria de qualquer forma isso é algo que não muda, já que não existem realidades alternativas nesse caso.

Parece coisa de D&D (D. B. Weiss e David Benioff, showrunners de Game of Thrones), mas o fato de Hodor ser uma contração de Hold the door foi criada por Martin, e adivinhada por um escritor em 2013 (que contou seu palpite ao próprio Martin em uma convenção em que ambos foram convidados). Com essas novas informações, a pergunta que fica é: o que mais Bran é capaz de fazer? Além de poder ter causado mais paradoxos temporais, ele pode ser quase um Berrante de Joramun vivo, já que tem a marca do Rei da Noite e teoricamente permite que o exército dos Outros chegue até ele por meio dela. Por favor Bran, não atravesse a Muralha.

.

.

assinatura karen caires

Comentários

Adicionar a favoritos link permanente.

Comente! Sua opinião é muito importante para nós.