[Resenha] Como eu era antes de você – Jojo Moyes

Título: Como eu era antes de você
Autora: Jojo Moyes
Tradução: Beatriz Horta
Editora: Intrínseca
Ano: 2013
Páginas: 319

.
jojo01

.

O livro Como eu era antes de você, da escritora britânica Jojo Moyes, é uma narrativa cujos protagonistas são Louisa Clarck e Will Traynor. Aos 26 anos, Louisa Clark é uma jovem sem muitas ambições. Mora com os pais, a irmã, o sobrinho e o avô, que necessita de cuidados constantes desde que sofreu um derrame. Namora há quase sete anos o triatleta Patrick, que coloca suas intermináveis maratonas como prioridade de vida e com isso, o relacionamento com Louisa fica em segundo plano, mas ela não está tão chateada com isso. Para Louisa o seu trabalho no Café lhe basta, pois o salário que ela ganha é suficiente para ajudar sua família com as despesas domésticas e para comprar suas “criativas roupas”. Porém Louisa vê sua vida transformar quando seu patrão a comunica que está fechando o Café. Desempregada e sem qualificação, Louisa é contratada pela rica família Traynor como cuidadora de Will, um homem de 35 anos que vê sua vida perder o sentido quando é atropelado por uma moto, ficando tetraplégico. O contrato de trabalho tem duração de seis meses, pois este é o tempo dado por Will à sua família para que eles tentem convencê-lo a não dar fim a sua vida. Quando Louisa descobre o verdadeiro motivo do contrato ter seis meses de duração, ela começa a correr contra o tempo, a fim de mostrar para Will as inúmeras possibilidades que um cadeirante pode ter, na esperança de fazê-lo desistir de se matar. O que Louisa e Will não esperavam é que esse seis meses iriam transformar a vida deles.

.

jojo02

.

Como eu era antes de você é mais que uma história de amor. Jojo Moyes apresenta uma narrativa em que os personagens são de uma verdade incrível. Quem não conhece ou tem uma família como a de Louisa, que vive com o orçamento doméstico super apertado? Quem de nós está imune de ter a vida transformada repentinamente como ocorreu com Will? A realidade dos personagens aproxima o leitor do enredo e com isso ele (o leitor) naturalmente se envolve com a história. Parabenizo a autora por abordar de maneira tão leve assuntos tão polêmicos, como as dificuldades de mobilidade encontradas pelos cadeirantes para fazer coisas tão simples no dia-a-dia como pegar um ônibus, ir ao cinema, viajar e também a eutanásia que é um assunto ainda muito discutido.

No decorrer da leitura, senti que o final já estava óbvio desde a metade do livro, mas torci até o fim para que eu fosse surpreendida. Mas independente de ter desejado, e muito, um outro fim para Louisa e Will, à medida que eu interrompia a leitura (optei por ler o livro com calma) me fazia inúmeros questionamentos a respeito do livre arbítrio que temos, sobre em qual momento Will viu que realmente a vida não valia a pena, mesmo após Louisa lhe apresentar inúmeras possibilidades, dentre outros.

.

jojo03

.

Como eu era antes de você me presenteou com algumas respostas para perguntas antigas, mas como dito acima, fui tomada de inúmeros novos questionamentos. Porém ao chegar ao fim da obra de Jojo Moyes concluí que, além de ter sido emocionante conhecer e me deliciar com os seis meses que Louisa Clark e Will Traynor passaram juntos, uma das principais mensagens apresentadas nessa narrativa é que recomeçar, nada mais é, que uma questão de escolha.

Como eu era antes de você é mais um best seller de Jojo Moyes com mais de três milhões de livros vendidos e está sendo adaptado no cinema, cujo filme tem estreia prevista para o mês de Agosto/2015.

 Boa Leitura!!

.

.

 

assinatura susane carvalho

Comentários

Adicionar a favoritos link permanente.

2 Comments

  1. Muito bom, já queria ler o livro, mas poucas vezes via a resenha dele!
    Me deu um pouco de medo de ser monótono, mas aparentemente não.
    E parece que o fim tem uma certa surpresa…vou tentar

    http://www.devoreumlivroeoufilme@gmail.com

    • Olá Viviana!
      Vale muita a pena ler Como eu era antes de você. Não achei a leitura monótona, porém o fim não é tão surpreendente. Boa leitura!

Comente! Sua opinião é muito importante para nós.